Quem gosta de literatura, vai adorar saber que nesta sexta-feira (12), a escritora Dulce Cavalcante lança seu mais novo livro “Outonias”. Uma obra de poesias que permeia as nuances da estação que por si só já é uma poesia: o outono.

“É um livro de poemas que versa sobre a minha entrada nesta bela estação outonal da vida. Poemas nascidos e guardados.”
Dulce Cavalcante, escritora.

Segundo a autora, não existiu um começo; ela apenas foi escrevendo no decorrer da sua vida. Aos poucos, ela foi notando que o seu pensamento ia levando-a para uma nostalgia que tomava tudo o que escrevia, sem necessariamente ver o tempo passar. E o tempo passou para o hoje, que traduz o início da caminhada do seu livro. 

Não houveram motivos para escrever “Outonias”. Dulce diz que gosta de lançar em palavras o que pensa, e que apenas a escrita oportuniza o fechamento desse pensar.

Este é o quinto livro escrito por Dulce Cavalcante. Antes de “Outonias”, vieram “Quatro Estações”, “Poltrona Azul”, “Bicicletas de Papel” e “…um chão para memórias soltas”, este último sendo de crônicas. Dulce também já participou de diversas edições da coletânea Café&Poesia.

Quem acha que é fácil escrever um livro é porque nunca acompanhou um processo desse de perto. Os desafios, de acordo com Dona Dulce, são muitos, e sempre serão, mas, como ela mesma diz, “nada que não se supere com uma super dose de boa vontade e coragem”. 

O desejo desta admirável escritora? Que não só ela, mas que todo escritor e escritora seja lidx, porque, para ela, a leitura é transformação e conduz o indivíduo a um lugar melhor.

“[São] prazeres indescritíveis  e eternos pra mim mesmo diante da finitude de tudo. Valeu cada lágrima, cada dor, cada gargalhada ao longo da estrada!”.
Dulce Cavalcante, escritora.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Instagram